CONSAD 2022

Rede Vetor Brasil tem mais de 10 trabalhos aprovados no CONSAD 2022

By 22 de março de 2022 No Comments

Participantes da Rede Vetor Brasil tiveram seus projetos aprovados no XI Congresso Consad de Gestão Pública, que será realizado pelo Conselho Nacional de Secretários de Estado da Administração (Consad), em Brasília, entre os dias 22 e 24 de março. O evento terá como tema principal “Inovação e Modernização Administrativa para os Estados” e contará com dez eixos temáticos na programação.

Análise quantitativa e qualitativa sobre a realidade educacional de Alagoas

Hugo Rodrigues Damasceno

Hugo Rodrigues Damasceno, Trainee em Gestão Pública na Superintendência de Modernização da Gestão (SUMOGE) da Secretaria de Estado do Planejamento Gestão e Patrimônio (SEPLAG), Maceió-AL foi uma das pessoas que tiveram seu projeto aprovado pelo Consad.

Ele afirma que é um privilégio poder apresentar os avanços realizados na Educação de Alagoas sob sua ótica. “Os espaços de formação, assim como a equipe diversa com a qual tenho contato, a partir do Vetor, me proporcionou a oportunidade de debater e repensar ações e estratégias para melhoria do serviço disponibilizado pelo setor público. Ter o trabalho aceito foi apenas consequência”, conta.

Seu trabalho consiste em uma análise quantitativa e qualitativa sobre a realidade educacional de Alagoas, apresentando os programas e projetos implementados e em processo de implementação que se categorizam como Transformação Digital.

Transformação digital e promoção de saúde

 Guilherme de Souza Alencar Vieira

 Já Guilherme de Souza Alencar Vieira, trainee de gestão pública na SEPLAG-AL em Maceió/AL, integrante do TGP 2022, também teve um projeto aprovado. O artigo apresenta uma solução de relacionamento digital, que vem apoiando as estratégias de promoção de saúde e monitoramento das beneficiárias do Programa Cria – política intersetorial de cuidados da primeira infância do Governo de Alagoas – no contexto do debate sobre transformação digital e promoção de saúde. 

São apresentados os principais desafios de implementação da experiência do “Zap do CRIA”, como o relacionamento com as empresas responsáveis pela oferta da tecnologia, além da articulação interna de setores do governo, para a definição dos fluxos de informação e relacionamento com as beneficiárias.

“Foi uma grande realização pessoal e profissional por aliar meu interesse em políticas públicas e inovação com a oportunidade de destacar uma iniciativa, que certamente servirá de referência para o Brasil no contexto da transformação digital. O Zap do Cria atende a desafios de uma política intersetorial complexa voltada a populações vulneráveis”, conta. “Ao levar essa experiência para o Consad, que reunirá secretarias estaduais de todo o país, tenho certeza que estaremos contribuindo para o fortalecimento de agendas importantes, como a gestão do relacionamento com o cidadão na saúde e na primeira infância, além de estarmos colocando Alagoas na vanguarda da transformação digital no Brasil e no mundo”.

Inovação, transformação digital e gerenciamento de processos

Caroline Albuquerque de Almeida

Caroline Albuquerque de Almeida, que foi Trainee de Gestão Pública da turma de 2021, atua na Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (SEGER) do Governo do Estado do Espírito Santo. Seu projeto foi feito em parceria com Maria Augusta Raspante Sousa, também de Gestão Pública da mesma turma.

“Nosso projeto conta sobre a formação e manutenção da Rede de Escritórios Locais de Processo e Inovação (ELPIs), um dos programas que nós coordenamos enquanto trainees aqui no governo do Estado do Espírito Santo. Atualmente, essa rede conta com 48 escritórios e mais de 250 servidores responsáveis por diariamente, pensar a inovação, transformação digital e gerenciamento por processos dentro de seus respectivos órgãos. Nossa parte favorita do artigo foi compartilhar um pouco sobre os Mecanismos de Rede que desenvolvemos para manter uma unidade entre os diversos escritórios”, explica.

Maria Augusta Raspante Sousa

Ela afirma que inicialmente submeteu apenas um resumo ao CONSAD não achou que ele poderia ser aceito. “Mas para nossa surpresa ele estava entre os resumos aprovados. A partir daí mergulhamos de cabeça, nos esforçando para escrever um artigo que pudesse de fato contribuir com outros espaços. Nossa principal estratégia foi buscar evidenciar que nosso programa poderia ser replicado em outras estruturas e governos a partir de poucos insumos”, conta.

“Sem o Vetor não estaríamos hoje nos apresentando no Consad, pois foi com o  programa Trainee de Gestão Pública que pudemos nos conectar com a Rede de ELPIs. Além disso, assim que comunicamos sobre nossa participação no Congresso, o Vetor nos apoiou em cada etapa e ofereceu diversos dispositivos que foram importantes para a conclusão do trabalho”, finaliza Maria Augusta.

Cursos online em diferentes instituições e escolas de governo

Natallie Reikdal Cervieri

Natallie Reikdal Cervieri, que participou do programa Trainee de Gestão Pública também teve um projeto aprovado no Consad. O projeto desenvolvido foi a proposta de reestruturação dos cursos de inovação (Trilha de Inovação) ofertados pela Escola de Serviço Público do Espírito Santo (Esesp), com a tentativa inédita de implementação de cursos online à distância e atualização dos temas dos cursos, a partir de extenso levantamento em diferentes instituições e escolas de governo.

“É sempre muito gratificante ter o relato do seu trabalho reconhecido e selecionado para apresentação, ainda mais em um Congresso de Gestão Pública que recebe trabalhos de excelência vindos de todo o país. Foi uma oportunidade de relatar todas as etapas e resultados do projeto que desenvolvemos, apresentá-lo para profissionais da Gestão Pública de todo o país e tornar o conhecimento obtido uma possível referência em iniciativas semelhantes”, conta.

Segundo Natallie, o projeto foi desenvolvido durante o seu período de trainee no Vetor Brasil e não teria sido possível sem a sua alocação no Laboratório de Inovação na Gestão (LAB.ges), no Governo do Espírito Santo, com uma gestão que sempre deu abertura e apoio no trabalho desenvolvido. “O trabalho realizado por trainees alocados através da Vetor Brasil, que iniciaram antes, durante e depois da minha chegada, contribuíram em diferentes graus para o meu desenvolvimento profissional, assim como no desenvolvimento deste e outros projetos”, pontua.

Pagamento variável de acordo com o desempenho do contratado

Carolina Marques Kozlakowski, Trainee de gestão pública da turma de 2021 em Vitória, ES, também teve seu projeto “Sondagem de mercado: como implementar a NLLC em contratos de performance de eficiência energética” aprovado pelo Consad 2022. Trata-se dos aprendizados obtidos de reuniões com empresas de energia (sondagem de mercado). A NLLC é uma lei nova que permite ao estado contratar por performance: pagamento variável de acordo com o desempenho do contratado. 

“Esse assunto é de alto interesse para administradores públicos, pois se trata de uma contratação de grande retorno em economia de energia sem grandes investimentos por parte do Estado. Se colocados em prática, os projetos trarão economia e eficiência aos cofres públicos, reduzirão a pressão energética e contribuirão para prédios governamentais mais sustentáveis e confortáveis”, afirma.

Governança Pública

O Congresso Consad dá destaque a iniciativas que apresentam resultados positivos em gestão e políticas públicas. Os painéis temáticos compreendem as áreas: Gestão de Pessoas, Governo Digital, Compras Públicas, Ciência de Dados, Gestão de Ativos, Concessões e Parcerias Público-Privadas, Comunicação Institucional, Escolas de Governo, Formação de Lideranças em Gestão Pública, Transição de Governo, Responsabilidade Ambiental, Social e Governança.

Além dos projetos citados acima, vários outros também de integrantes da Rede Vetor foram aprovados e em breve vamos colocar aqui o link de todos eles.

Leave a Reply